Intelbras

Notícias

RSS

17/02/12 - Maior projeto de monitoramento urbano do Brasil é inaugurado

Projeto, que atende 24 municípios gaúchos, com cobertura de 490 km, envolve 162 câmeras e outros equipamentos e softwares da Intelbras

No dia 16 de fevereiro, quinta-feira, entra em funcionamento no Rio Grande do Sul o maior projeto de monitoramento de segurança em vídeo do Brasil. O sistema, que conta com equipamentos da Intelbras, será inaugurado com a presença do governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro.

A Intelbras, especialista em telecomunicações, segurança eletrônica e redes, superou o desafio de atender 490 km em uma iniciativa intermunicipal que abrange 24 cidades do litoral Norte do Rio Grande do Sul. São 162 câmeras que captam áudio e vídeo e que, interligadas a outros equipamentos e softwares de alta tecnologia da mesma fabricante, vão ajudar a prevenir e investigar ocorrências na região.

Quatro centros de monitoramento regionais, localizados nos municípios de Torres, Tramandaí, Osório e Balneário Pinhal, controlam as câmeras e outros equipamentos. E todas as 24 centrais de monitoramento foram completamente integradas em rede, com sistemas de telefonia IP, que barateiam os custos das comunicações entre unidades.
Idealizador do projeto, o secretário de Segurança de Balneário Pinhal, Nelson Luiz Fornasier, explica que a ideia surgiu para suprir a falta de efetivo permanente para policiar a região. A solução foi utilizar medidas de inteligência que auxiliassem o monitoramento pela polícia. Os equipamentos multiplicam as áreas vigiadas por cada um dos policiais. Com o sistema, fica facilitada a administração do policiamento nos centros da cidade e aumenta a segurança da população, além de impulsionar a economia local.

“Temos orgulho de ver o maior projeto de monitoramento urbano do Brasil ser atendido praticamente na íntegra por equipamentos, softwares e soluções Intelbras, ou seja, um fabricante nacional que tem tecnologia equivalente a dos principais líderes mundiais, mas com a agilidade de um suporte nacional”,  afirma Fábio Lopes Ribeiro, consultor de Segurança da Intelbras. 
 

Além das câmeras móveis (Speed Domes), fazem parte do projeto: os encoders (NVR), o Software de Monitoramento Intelbras (DSS), as câmeras internas das centrais de monitoramento, as estações de trabalho (PCS desktops e notebooks), e os ativos de rede como os switches gerenciáveis, modens, roteadores e telefones IP que interligam todas as 24 centrais de monitoramento. Os equipamentos possibilitam a interligação de áudio entre os pontos de captura e as centrais de comando, mantendo assim uma comunicação ativa entre os cidadãos e a central de operações.

Sobre a Intelbras – Fundada em 1976, a Intelbras é uma empresa com capital 100% nacional e atua em três áreas: telecomunicações, redes e segurança eletrônica. Atualmente com 1.800 colaboradores, está presente em mais de nove mil pontos de venda para varejo e seis mil revendedores corporativos. Exporta para América Latina, África e Oriente Médio. Entre os prêmios nacionais conquistados em 2011, estão os rankings de Melhores Empresas para Trabalhar, do Instituto Great Place to Work e do Guia Você S/A. Saiba mais sobre a empresa e sua loja virtual no site www.intelbras.com.br e no twitter @intelbras.



<<    <     1 2 3 4 5 6 7 8 9    >    >>
Fechar Para: